Hora local: 05:32
logotipo
Você está aqui: Página inicial

OPERADORES TURÍSTICOS GALEGOS VISITARAM BAIÃO

2017/02/07

Representantes de oito entidades ligadas ao turismo da Galiza, entre agências de viagens e operadores turísticos, visitaram o concelho de Baião, a 06 de fevereiro, no âmbito de uma iniciativa de divulgação da região organizada pela entidade de Turismo do Porto e Norte de Portugal (TPNP), em parceria com a Comunidade Intermunicipal do Tâmega e Sousa (CIM-TS).

Esta ação de promoção destina-se a reafirmar a imagem do território do Tâmega e Sousa como associado ao Turismo de Natureza e à Gastronomia e Vinhos. O objetivo é aumentar a colaboração com os agentes turísticos galegos e assim aumentar o número de visitas de turísticas daquela região.

Os agentes turísticos estiveram na Fundação Eça de Queiroz, onde foram recebidos, de forma divertida, pelos caseiros de Tormes, Silvério e Josefa. Estas personagens, saídas da ficção queirosiana, apresentaram a casa e deram a provar alguns produtos locais, como a broa de milho e o salpicão do nosso concelho.

A visita à fundação abriu o apetite para um jantar queirosiano no restaurante de Tormes, seguindo-se o alojamento no Douro Palace Hotel, também situado no concelho de Baião.

CONHECER PARA PROMOVER

Jesús Ares, operador turístico (da Yu Travel, Pontevedra), referiu a importância deste evento para uma melhor divulgação da região do Tâmega e Sousa aos seus clientes. "Esta é uma região próxima da nossa, mas ainda muito desconhecida. Tem uma grande riqueza patrimonial, belas paisagens e uma boa gastronomia, portanto tem tudo para atrair os turistas galegos", observou. Para Jesús Ares, no futuro, haverá cada vez mais galegos a visitarem a região: "O turismo mudou muito e as pessoas procuram cada vez mais experiências autênticas. Se conhecermos melhor os recursos da região, é certo que traremos mais turistas nos próximos anos", previu.

Feliz por visitar a Fundação Eça de Queiroz estava Mariña Bello Vázquez, que já conhecia a obra do romancista queirosiano graças à grande divulgação feita na Galiza pelo académico Ernesto Guerra da Cal. "Conhecemos melhor as zonas da costa de Portugal e é bom podermos descobrir também o interior. Já tinha lido "A Cidade e as Serras" e é um prazer visitar esta casa e apreciar as belas paisagens descritas por Eça", referiu a representante da agência Teetravel (Pontevedra).

Em nome do Clúster de Turismo da Galiza - entidade que agrega as entidades que operam neste setor -, Cesáreo González Pardal, afirmou que é importante que os portugueses visitem cada vez mais a Galiza e que os galegos descubram, também a região norte de Portugal. "O interior do norte de Portugal está apenas a duas horas da Galiza mas ainda é uma região relativamente desconhecida para nós. A melhor forma de a darmos a conhecer é organizar estas visitas com operadores turísticos, que depois poderão mostrar aos seus clientes as potencialidades desta zona", observou Cesáreo González Pardal.
Participaram ainda na visita as empresas Viajes Halcón Lugo e Galicia, Five Sensations, Siente Galicia, Vento Celta, Galicia Holiday e Vio Viajes.

A acompanhá-los estiveram responsáveis da TPNP, da CIM-TS e a Vereadora do Turismo da Câmara Municipal de Baião, Anabela Cardoso.

SEIS CONCELHOS ABRANGIDOS

Antes de chegarem a Baião, os agentes turísticos visitaram os concelhos de Paços de Ferreira, Felgueiras, Celorico de Basto e Amarante, seguindo posteriormente para Resende. A visita desenrolou-se entre os dias 05 e 07 de fevereiro.

Esta iniciativa insere-se no Memorandum de Entendimento assinado entre a TPNP, o Agrupamento Europeu de Cooperação Territorial Galicia-Norte de Portugal (GNP-AECT) e a Agência de Turismo da Galiza.

Outras notícias